5 sinais de que você precisa levar seu cachorro no veterinário

Saber quando levar seu cachorro no veterinário muitas vezes é um desafio já que nossos amigos de 4 patas não falam. Então os sintomas passam despercebidos e só quando o problema já se agravou é que o tutor descobre.

Para evitar essa situação difícil, veja cinco indícios de que você precisa colocar o seu cachorro na caixa de transporte e levá-lo para o veterinário.

1. Sangramento e Convulsões

Estes dois parecem óbvios, mas é importante reforçar: sangramentos, salvo quando as cachorras estão no cio, não é normal. Por isso, caso aconteça leve seu cachorro no veterinário imediatamente.

Outra razão para correr com o cachorro até o veterinário são as convulsões.

Tá, mas você está pensando, como vou saber se meu cachorro está tendo convulsões?

O cão cair de lado e fazer movimentos com as pernas como se estivesse pedalando e a perda de consciência são os sinais mais comuns de convulsão.

Além disso, ele pode salivar, urinar, defecar, mas não é sempre que isso acontece.

Nestes casos você espera seu pet parar de se movimentar e leva direto para um hospital veterinário.

2. Falta de ar, tosse ou espirros

Problemas respiratórios também exigem bastante atenção. Por isso, se o seu filho de 4 patas apresentar alguns dos sintomas acima (principalmente a falta de ar), dirija-se ao veterinário na mesma hora.

Você deve tomar este cuidado porque algo simples como resfriado, pode se transformar em uma pneumonia ou uma infecção respiratória.

E como prevenir é melhor que remediar, não deixe esse sinal passar batido.

3. Vômito e diarreia 

As causas do vômito podem ser simples, como o cachorro não gostar da ração nova e devolver para o pote. 

No entanto, elas precisam ser investigadas, pois também escondem algum problema sério como infecção intestinal.

Assim como o vômito, a diarreia pode indicar que a grama que ele devorou no parque não fez bem, mas também o sintoma de uma infeção grave.

Portanto, se o vômito e diarreia acontecer sem causa aparente ou com frequência, leve o seu cachorro ao veterinário. 

4. Aparência de dor

Mesmo que o cachorro seja nosso companheiro por anos é difícil saber quando ele está com dor, afinal ele não reclama ou chora como nós. 

Porém, há alguns sinais que ajudam a entender o sofrimento dos bichinhos.

Se o cachorro está mancando, com dificuldade de deitar, se levantar ou andar, se incomoda com o toque ou que o pegue no colo. Está na hora de levá-lo ao veterinário e fazer um raio X.

Afinal, os pets são bem arteiros quando querem, então ele pode ter caído, torcido a patinha. Ou até algo perigoso como uma ruptura de ligamento, artrite ou câncer nos ossos.

5. Comportamentos anormais

Cachorros tem sua própria personalidade, dos mais agitados até os mais tranquilos, por isso se o seu pet começar a ter comportamentos fora do seu padrão, precisa ser investigado.

Caso seu cão agitado do dia para noite só fica deitado na caminha ou se o cachorro tem um comportamento tranquilo e passa a destruir todos os móveis da casa. Acione o Sherlock Holmes que há em você e junto com o veterinário descubra o motivo.

Também se ele começa a se coçar, se lamber mais que o normal, pode indicar uma alergia, início de sarna, parasitas como pulgas e carrapatos, etc.

Além disso, vale lembrar que você precisa levar seu cachorro ao veterinário para o check up anual e para tomar as vacinas.

Agindo dessa forma você protege a saúde do seu companheiro.

Compartilhar:

Lúcia Pego dos Santos

Olá, trabalho como Redatora Freelancer, escrevendo conteúdo web para outras pessoas e empresas. Também sou tutora do felino Cat Noir, um inquilino exigente que não admite ração antiga no pote.

Posts Relacionados

Formulário de Pré-adoção

Preencha corretamente o formulário pois entraremos em contato através das informações fornecidas, em um prazo de até 4 dias úteis.

Seja uma empresa parceira

Faça parte da nossa rede de parceiros faça sua contribuição mensalmente e tenha sua empresa divulgada no nosso website.